Novembro/2014

Inverno nos Estados Unidos: época mais barata para conhecer Nova York

Por: Sylvia Barreto

Nova York, a cidade que fervilha. Parece que tudo acontece ao mesmo tempo, são shows, musicais, lojas e mais lojas, centenas de restaurantes e muitos turistas, claro. Só no primeiro semestre de 2010, a estimativa é que 23,5 milhões de pessoas tenham visitado a cidade. Esse valor é superior a população da  capital São Paulo, por exemplo, a mais populosa do Brasil.
Gente do mundo inteiro quer conhecer os encantos de uma das cidades mais atraentes do mundo. E, os brasileiros, é claro, também querem. A baixa cotação do dólar por si só já é um atrativo para ir para lá. Mas quem gosta de frio deve aproveitar essa época do ano para conhecer Nova York. Em janeiro, por exemplo, a temperatura varia de 4ºC a -3ºC. Durante todo o inverno, que começa em dezembro nos Estados Unidos, a metrópole não tem tantos turistas como no verão.
Para promover o turismo no inverno, Nova York faz diversas promoções. Há ofertas especiais em hotéis, na Broadway e até nos restaurantes. Veja nesta matéria como pode economizar se planejar sua viagem para a cidade nos primeiros meses do próximo ano.

Campanha de inverno com até 25% de desconto em mais de cem hotéis
A NYC & Company, órgão oficial de marketing e turismo da Cidade de Nova York lançou campanha de inverno com oferta especial em mais de 100 hotéis da cidade. Quem viajar entre 02 de Janeiro e 28 de Fevereiro contará com até 25% de desconto nas tarifas ou pacotes especiais que contemplam estadas, refeições e ingressos grátis que farão com que as pessoas queiram ficar mais tempo.
São diversas opções espalhadas pelos quatro cantos e para todos os tipos de bolso. Para quem gosta de luxo será possível, por exemplo, se hospedar no lendário Hôtel Plaza Athénée, a um valor 20% menor que a melhor tarifa atualmente praticada. Ou, se preferir, o hóspede pode escolher o opulento The Carlyle, onde a promoção dá a terceira noite grátis para cada duas noites consecutivas adquiridas.
Já em Midtown Manhattan, os pacotes de inverno do Renaissance New York Hotel 57 e do Renaissance New York Hotel Times Square contemplam café da manhã grátis e dois Explorer Pass (passe que dá direito a visitar alguns locais da cidade) a preço de um, para que o turista possa curtir as atrações mais badaladas de NY gastando o mínimo.
Em outros distritos também será possível desfrutar das vantagens. O descolado NU Hotel no Brooklyn possui sistema de descontos progressivos nas diárias, com 10% para quem fica uma noite, 15% para quem fica duas e 20% para quem fecha três noites. E no Queens, a boa pedida é o Comfort Inn Flushing, que além de 20% de desconto também inclui café da manhã continental e internet wi-fi totalmente grátis.
A lista completa de hotéis pode ser encontrada no site oficial da campanha: www.nycgo.com/getmorenyc/hotels.

Pague mais barato nos restaurantes também
A Restaurant Week já é uma tradição em Nova York, assim como em São Paulo, por exemplo.  De 24 de Janeiro a 06 de Fevereiro de 2011, turistas e locais poderão viver a experiência da alta gastronomia em mais de 200 estabelecimentos participantes ao preço de $24.07 pelo almoço ou $35 o jantar. O valor, que permanece o mesmo desde 2006, contempla entrada, prato principal e sobremesa (taxas, bebidas e gorjetas não inclusas). A promoção é válida para refeições realizadas de segunda a sábado (adesão à promoção de domingo é facultativa para o estabelecimento).
O período é ideal para comer em restaurantes que em um período normal o cliente pagaria muito mais caro. Mas lembre-se, é preciso reservar com antecedência pelo telefone, caso contrário, com certeza não encontrará lugar.

Compre dois ingressos da Broadway pelo preço de um
E para coroar sua estada na cidade, que tal uma semana inteira de Broadway, em que você leva dois ingressos e só paga um? A primeira Broadway Week promete ser um grande sucesso com mais de 40 shows participando da promoção. Os tickets a preços especiais começarão a ser vendidos em 03 de Janeiro.
A Broadway Week acontecerá de 24 de Janeiro a 10 de Fevereiro e será possível comprar dois ingressos a preço de um. Já é possível se cadastrar para receber alertas por e-mail a partir do site: http://www.nycgo.com/getmorenyc/broadway.

Quem viaja com criança também tem descontos especiais
E para quem viaja com os filhos a vantagem pode ser ainda maior durante a Kids´ Night on Broadway, que ocorre de 06 a 10 de Fevereiro. Além de crianças de seis a 18 anos entrarem de graça quando acompanhadas de adulto pagante, a campanha ainda se estende para descontos em estacionamentos, refeições gratuitas para os pequenos e eventos especiais antes dos shows começarem. Os ingressos já estão à venda e detalhes podem ser obtidos pelo site oficial: www.kidsnightonbroadway.com

Primeiro passo ao chegar a NY: vá ao Centro de Informações ao Turista
Nova York é uma cidade de fácil locomoção. Mas tem muita coisa acontecendo ao mesmo tempo e inúmeras atrações. Então, seja qual for seu objetivo na cidade, é melhor preparar um itinerário. Você pode visitar o site www.nycgo.com para ter todas as informações que precisar seja sobre compras, restaurantes, shows, lojas ou hotéis. Mesmo assim, quando chegar lá, vá o Centro de Informações ao Turista. Inaugurado em 2009, o local tem equipamentos interativos que o ajudarão a formatar seu roteiro de viagem.
Localizado no 810 da Seventh Avenue, entre as ruas 52nd e 53rd, o centro oferece sistema multimídia, com mesas touch screen. O visitante clica no mapa da cidade, escolhe seus interesses - restaurantes, compras, atrações, vida noturna - e recebe dicas dos melhores locais da cidade, com fotos e informações específicas. Os dados podem ser enviados por e-mail, para o celular ou impressos ali mesmo, para que o turista tenha em mãos um roteiro personalizado durante sua visita.  
 Além disso, é possível adquirir MetroCards e ingressos para as atrações em Nova York pelo valor de tabela, contando com o apoio de profissionais treinados e que atendem em diversas línguas.

Compre CityPass ou Explorer Pass para economizar
Comprando um Explore Pass para entrar em diferentes atrações da cidade, o turista pode economizar até 45%. Quem adquire esse bilhete escolhe entre três, cinco, sete ou dez atrações. O ticket de três custa US$ 69,99, o de cinco sai por US$ 109,99, o de sete por US$ 144,99 e o de dez por us$ 189,99. No total, são cinqüenta lugares dentre os quais você pode escolher para visitar dependendo do ticket que adquiriu. Os valores para crianças são um pouco mais baixos.
O CityPass também é uma boa opção de economizar na visita às atrações da cidade. Ele custa US$ 79 e quem o compra já tem entrada garantida para o Empire State Building Observatory, o Metropolitan Museum of Art, o American Museum of Natural History, o Museum of Modern Art. Ainda há mais dois locais que o consumidor pode ir, é só escolher entre o Guggenheim Museum ou o Top of the Rock ou entre Circle Line Sightseeing Cruises ou a Estátua da Liberdade e Ellis Island. O city pass é válido por nove dias consecutivos a partir da data que foi usado pela primeira vez.
Para saber mais sobre esses tickets, entre sites: www.citypass.com e www.smartdestinations.com

Aproveite as atrações de fim de ano
Nova York se prepara para celebrar o Natal e receber o novo ano. Há atrações que só podem ser vistas nessa época na cidade e algumas delas se estendem até janeiro. A Viajar é Simples escolheu duas que você pode aproveitar se estiver na cidade no início de 2011 e uma que pode participar pela internet. Veja quais são:
Iluminação do Rockfeller Center -  Realizada no fim de novembro, a iluminação da árvore no Rockefeller Center  é um dos mais populares eventos de natal da cidade. Ela dura até o início de janeiro, quando a árvore é desmontada. Este ano, a decoração está ainda mais rebuscada e ecológica, com muitas luzes de LED e uma estrela de cristal Swarovski no topo.
Gingerbread Extravaganza – O hotel Le Parker Meridien recebe o segundo Gingerbread Extravaganza, no qual padarias locais apresentam suas delícias confeccionadas em larga escala. De 1º de Dezembro a 09 de Janeiro, por apenas US$1, vote no melhor pão de gengibre decorado e concorra a prêmios. Informações pelo site  www.parkermeridien.com. Toda a renda arrecadada será revertida para o  City Harvest, organização que resgata e oferece apoio e alimento aos moradores de rua.
New Year's Eve Wishing Wall:  Localizado no Times Square Information Center, a parede de desejos fica lotada de pedidos de turistas e locais. Você pode escrever na hora e pregar na parede ou gerar um texto virtual pelo site: www.timessquarenyc.org. Tanto os pedidos presenciais quanto os virtuais vão se somar aos confetes para serem jogados em uma chuva de papel na Times Square.

Oito atrações que você não pode deixar de ir em Nova York
1-Times Square
2 -Central Park
3 - Metropolitam Museum of Art (Moma)
4 - Estátua da Liberdade
5 - Yankee Stadium
6 - Zoológico do Bronx
7- Ponte do Brooklyn
8 - Empire State Building

Novidade na Broadway em janeiro: Spider-Man Turn Off The Dark
O produtor Michael Cohl anunciou a abertura do esperado musical Spider-Man Turn Off The Dark para 11 de Janeiro de 2011. Dirigido por Julie Taymor, com letras de Bono e The Edge, o espetáculo teve pré-estréia nesta semana no  Foxwoods Theatre (213 West 42nd Street).
O elenco inclui o ator indicado ao Tony Award Reeve Carney no papel de Peter Parker/Spider-Man e Jennifer  Damiano  como Mary  Jane  Watson.  
Inspirado nos quadrinhos da Marvel Comics, a história conta como Peter Parker, um adolescente de vidinha pacata e sem muita expressão na escola, se torna um herói ao ser picado por uma aranha mutante. O musical abusa dos efeitos visuais para ilustrar a transformação de Parker quando acorda com super poderes, emocionar a platéia com sua paixão platônica por Mary Jane e recriar toda a magia dos vôos extraordinários do herói.
Para informações, compra de tickets e tudo o que ocorre na Broadway, visite o site oficial de NY: www.nycgo.com/broadway

A Lisia foi e gostou
Lisia Minelli, moradora de São Paulo, visitou Nova York pela primeira vez esse ano e conta como foi sua experiência

Esse ano foi a primeira vez na minha vida (que eu me lembre) de ter tirado férias do trabalho. Eu sou meio workaholic e sempre vou deixando para depois. Mas em 2010, eu e mais duas amigas tiramos 15 dias de folga em agosto e fomos para os Estados Unidos, passando por Miami, Orlando e depois Nova York. Mas o ponto alto da viagem, com certeza, foi a Big Apple. Por lá é tudo grandioso e quem chega à cidade se deslumbra. Como foi o meu caso. Fazendo uma analogia bem simplista, se você gosta de São Paulo, com certeza se apaixonará por Nova York. As cidades são tão diferentes e ao mesmo tempo tão parecidas. Difícil de explicar, só vendo mesmo para entender. Acho que a Big Apple é o lugar mais conhecido do mundo mesmo sem ao menos um dia ter estado lá. Quantos cartões postais de NY você conhece? E quantos filmes, séries e músicas foram baseados nela?
Durante minha permanência na cidade eu tive o privilégio de ficar em Manhattan, bem pertinho de muitos lugares legais. Como, por exemplo, a Broadway, o Rockefeller Center e os famosos arranha-céus Empire State e Chrysler. Fiquei hospedada no Hotel Roosevelt, na 45th Street com a Madison Avenue, e fazíamos tudo a pé. Isso mesmo, se você estiver pensando em ir à NY é preciso tem em mente uma coisa: prepare-se para caminhar, muito. Mas isso até que foi bem gostoso. A dica é levar tênis e roupas confortáveis e se for no verão, protetor solar. Nessa época do ano, agosto, as temperaturas são muito altas. Ali pertinho do hotel ficava a Fifth Avenue, super famosa por abrigar lojas, milhares de lojas, e, entre elas, a Tiffany’s, joalheria que aparece no filme Bonequinha de Luxo.
Entre os lugares que visitei destaco o Central Park, o enorme parque no coração de Manhattan. Além das trilhas, de toda a natureza e do famoso hot dog (que na verdade é bem pequeno e meio sem graça), lá por perto ainda tem o Museu de História Natural e o Metropolitan. Quem é fã de Beattles não pode deixar de visitar o edifício Dakota, ao lado do parque. Neste prédio morava John Lennon e foi também onde infelizmente ele perdeu sua vida. O prédio é lindo e, fique tranqüilo, você não será o único a tirar fotos no local. Outra dica bem bacana é conhecer a cidade utilizando o Bus Tour, um ônibus de turismo de dois andares que percorre os principais pontos turísticos de NY. O passeio sai em torno de US$ 40 por pessoa.
Já a Broadway é um capítulo à parte na Big Apple. Para quem curte teatros e shows é um verdadeiro paraíso. São milhares de apresentações diárias. Eu tive o prazer de assistir ao Fantasma da Ópera e confesso que adorei. Mas as opções são infinitas, basta escolher, pode ser por atração, pode ser por teatro, não importa. Mas é imprescindível assistir a pelo menos um show na Broadway. E a Times Square, o que é aquilo? Ela de dia é muito bonita, mas à noite... não tenho palavras para descrever. Fiquei até meio perdida de tantas coisas para admirar.
Ir à NY e não ver a Estatua da Liberdade é um ultraje, portanto, aventure-se pelas linhas nova-iorquinas de metrô. Para ir até a Ilha é preciso um barco. Prepare-se porque chacoalha muito, mas é bem rapidinho e dá a maior emoção quando ver a Estátua se aproximando. Quem pretende subir até o topo da Estátua tem que chegar cedo porque o número de visitantes é limitado por dia. O tour sai por cerca de US$ 20 por pessoa e ainda há opção de ter guia explicando tudo a respeito da atração, mas assim custa mais caro. Não deixe de trazer uma lembrancinha da loja de “gifts”. Aliás, “gitfs” são excelentes em NY. São broches, camisetas, quadros, tem de tudo e para todos os gostos e bolsos. Eu adoro e é claro que eu não podia deixar de trazer uma camiseta com o “I love NY”. As compras na cidade também são bem interessantes. As roupastêm estilo, os eletrônicos são de última geração e tudo a preços bem em conta. Só não esqueça de não extrapolar muito, afinal, só podemos trazer duas malas de apenas 32 quilos na volta!

Saiba como tirar o visto de turista para visitar os Estados Unidos
O visto de entrada nos Estados Unidos da América (EUA) é necessário para todo o cidadão brasileiro, inclusive crianças, mesmo se estiver simplesmente em trânsito em um aeroporto nos Estados Unidos. É preciso que cada pessoa preencha um formulário e marque uma entrevista na embaixada ou consulado dos EUA  para conseguir o visto, que também pode ser negado.
Para dar início à retirada do visto é preciso pagar uma taxa inicial de R$38. Ela é obrigatória e permitirá que faça o seu agendamento para a entrevista e tenha acesso à informações gerais. É necessário preencher em inglês o formulário de solicitação de visto DS-160. É, ainda, é preciso pagar mais uma taxa, a de solicitação de visto, que para o tipo B2-turismo é de US$ 140.
No dia da entrevista compareça à Embaixada ou ao Consulado com a página de confirmação do formulário DS-160, uma foto 5x5 ou 5x7 cm e os documentos recomendados.  Na entrevista serão feitas perguntas sobre sua vida no Brasil e também sua intenção de viagem aos EUA.
Se o seu visto for concedido, o passaporte é normalmente devolvidos de um a três dias úteis após a data da entrevista, quando autorizados a serem pegos na embaixada ou consulado na parte da tarde, ou através do serviço de entrega expressa, que é o sistema mais utilizado pela maioria dos consulados.
Em São Paulo e no Rio de Janeiro, para que o grau de eficiência do processamento de vistos seja maior, todos os passaportes são devolvidos pelo serviço de entrega expressa, exceto em casos de emergência que requeiram viagem imediata.
Atenção, o passaporte tem que estar assinado pelo portador e válido por pelo menos seis meses a partir da data da viagem. Passaportes anteriores, especialmente aqueles que contenham vistos para os Estados Unidos, mesmo que vencidos, também devem ser apresentados, caso ainda os possua.
Informações: www.embaixada-americana.org.br

Serviço
NYC & Company
www.nycgo.com

Quem leva

Veja algumas companhias que têm voos para Nova York

Tam
A Tam tem voos diários de São Paulo para Nova York. Para fevereiro, o valor médio de ida e volta é de R$ 3.000 sem taxas.
Informações: www.tam.com.br ou 4002 5700

American Airlines
A companhia aérea tem voos para Nova York partindo de São Paulo  (SP), Rio de Janeiro (RJ), Recife (PE), Belo Horizonte (MG), Brasília (DF) e Salvador (BA). Apenas as frequência com saídas de São Paulo e Rio de Janeiro vão direto para a cidade americana, os outros param em Miami.  De 01 até 16 de janeiro, saídas do Rio de Janeiro, a partir de US$ 1.375 mais taxas  e US$ 1.275 mais após 17 de Janeiro de 2011. A companhia aérea trabalha com pagamento em até cinco vezes sem juros nos cartões de crédito.

Informações: www.americanairlines.com ou (11) 4502-4000, São Paulo, (21) 4502-5005, Rio de Janeiro e 0300 789 7778 demais localidades

Onde Comer

Europa Café
Com diversas unidades espalhadas por Nova York, o Europa Café tem opção para café da manhã, almoço e lanche da tarde. Com pouco mais de um dólar é possível comprar um sanduíche pela manhã, já os quiches servidos no almoço saem por US$ 5,75. É uma opção saborosa e bem em conta na cidade.
Informações: www.europacafe.com

Shake Shack
Com cinco lojas em Nova York, o Shake Shack serve sanduíches, batatas fritas e milk shakes e sorvetes. A batata frita com cheddar é imperdível e os valores também são razoáveis.
Informações: www.shakeshack.com.br

Onde Ficar

HI New York
HI-NY tem boa localização, há uma linha de metro a uma quadra e o Central Park fica a apenas três quarteirões. É o maior hostel da América do Norte, com 672 camas, jardim e cafeteria. Café da manhã, almoço e jantar podem ser adquiridos no local. Diárias a partir de US$ 29.
Informações: www.hinewyork.org

Doubletree Metropolitan Hotel New York City
Localizado na Lexington Avenue com a 51st Street, é possível ir caminhando até a Broadway, ao metrô, à Bloomingdale´s e alguns dos famosos museus da cidade. Para quem viaja com crianças, disponibiliza serviço de babá (não incluso na diária) e cardápio especial para os pequenos. Acomodação para duas pessoas a partir de US$ 135,20.
Informações: www.doubletree.com

Pacotes

TT Operadora
A TT Operadora oferece pacote para compras em Nova Iorque. São sete noites de hospedagem com café da manhã, traslados, passeio panorâmico, seguro viagem e passagens aéreas inclusos. Saídas diárias até 31 de março de 2011. A partir de Us$ 2.535 por pessoa em apartamento duplo em duas vezes sem juros.
Informações: www.lufthansaCC.com ou  (11) 5094-9494

CVC
A proposta da CVC é um pacote de sete noites para Nova York incluindo passagens aéreas, traslado aeroporto/hotel/aeroporto, hospedagem no Hotel Radisson Martinique, em apartamento duplo sem café da manhã, city tour e maleteiro no hotel (duas malas por pessoa). A partir de US$ 2.548 – em até 5x sem juros (valor para saída em 09 de janeiro de 2011).
Informações: www.cvc.com.br ou (11) 2191 8911

MK Travel
Cinco noites de hospedagem com passagens aéreas de ida e volta estão inclusos no pacote da MK Travel. O hotel é o Holiday Inn Midtown, o café da manhã e os transfers de chegada e partida fazem parte do pacote. A partir de US$ 1.684,00 por pessoa em apartamento duplo para saídas em janeiro de 2011.
Informações: www.mktravel.com.br e (21) 2533 3015 e  (11) 3052 3727

Agaxtur
Seis dias e cinco noites é a proposta da Agaxtur para que desfrute Nova York. Passagens aéreas com saída de São Paulo ou Rio de Janeiro, hospedagem de cinco noites no hotel Fashion 26 - A Wyndham, traslado regular aeroporto/hotel/aeroporto, visita ao alto e baixo Manhattan e seguro viagem estão inclusos. A partir de US$ 2.288 por pessoa em apartamento duplo.
Informações: www.agaxtur.com.br e (11) 3067 0900

Desenvolvimento: SOCCI Comunicação Integrada | Design: ZAP Stúdio